crossorigin="anonymous">
 
Anuncie Aqui 2.png
  • Thiego Souza

1ª edição do Encontro de Protetores de Animais foi encerrada em Serrinha

Encontro serviu para ajudar na conscientização das pessoas quanto à importância dos cuidados com os animais.


Foi encerrada neste sábado, 28, a 1ª edição do Encontro de Protetores de Animais do território do Sisal. Após 20 dias, a iniciativa que começou em Biritinga, teve seu encerramento na praça Luís Nogueira, em Serrinha.


Além de Serrinha e Biritinga, este primeiro Encontro também foi realizado nos municípios de Araci, Barrocas, Teofilândia, Conceição do Coité e Santaluz.


A organizadora do evento, Elciania Matos, que pertence à Associação Patas de Amor, de Serrinha, destacou a importância do Encontro, principalmente em um momento onde houve um aumento no número de animais abandonados. "A gente busca com evento conscientizar as pessoas sobre os maus-tratos. A gente procura a adoção responsável para que a pessoa que queira adotar o animal tenha condições para que não abandone, não maltrate e faça a castração", disse ao Info Serrinha.



Convidada do evento, a vereadora de Salvador Marcelle Moraes (DEM), que está em seu segundo mandato, parabenizou a organização e torce para que outras regiões possam seguir o exemplo. "Esse evento está de parabéns. Que ele possa acontecer em todo estado porque é muito importante para que a gente possa mobilizar nas pessoas a causa animal e a gente consiga implementar o dever com a proteção animal".



O secretário de Meio Ambiente de Serrinha, Diego Tomaz, lamentou que diversos casos de maus-tratos tenham sido registrados em Serrinha. "Abraçamos essa causa. A gente vê muitos maus tratos, abandono. Fazemos uma política de controle de natalidade de animais, a gente faz castração, atendimento veterinários nos animais de rua, resgates de atropelamentos, resgate de envenenamento que infelizmente ainda acontece muito aqui em Serrinha. É importante lembrar que que a vida dos animais importa".



Além da doação de animais, durante o Encontro foi feita a distribuição de mudas de plantas.

"A gente tenta colocar o meio ambiente como prioridade porque temos que pensar nas gerações futuras, e isso tudo impacta na vida das pessoas", afirmou o secretário.


Veterinário e vereador, Ito Cardoso (PT) afirmou que é preciso haver um esforço maior das esferas públicas para minimizar os maus-tratos e aumentar a conscientização das pessoas. "O evento vem para conscientizar as pessoas. A gente vem mostrando quais as dificuldades que os protetores de animais tem porque não é um problema dos protetores, é um problema de saúde pública, e a gestão pública precisa se mobilizar. Serrinha vem crescendo muito o número de maus-tratos e de abandono de animais, e precisamos dar as mãos para podermos combater essas ações".



Presente no evento, o vereador ícaro Tolentino (MDB) reforçou o discurso de que é preciso haver mais empatia e amor das pessoas com os animais. "Estamos abraçando essa causa para que possa incentivar o nosso povo não só a adotar os animais, mas também cuidar deles".



Segundo a organização do evento, a 2ª edição do Encontro de Protetores de Animais do território do Sisal deve acontecer em novembro e será realizada nos municípios de Queimadas, Cansanção, Retirolândia, Capim Grosso, Itiúba, Sátiro Dias e Tucano.


Participaram do evento as ONG´s e Associações Garras, Vidas Serrinha, APAS, Ame um Bigodinho e Flor de Ana. A organização foi da Patas de Amor Serrinha.


Fotos: Thiego Souza

Anuncie Aqui 2.png