crossorigin="anonymous">
 
Anuncie Aqui 2.png
  • Info Serrinha

Bolsonaro anuncia que onze ministros vão deixar o Governo para concorrer nas eleições

João Roma é um dos Ministros que devem deixar o Governo para disputar as eleições.


O presidente da República, Jair Bolsonaro (PL) anunciou que pelo menos onze ministros devem deixar seus cargos até março para concorrer a cargos eletivos nas eleições de 2022.


A confirmação deve ocorrer no último dia de março. "Nós temos previstos, no momento, 11 ministros que vão disputar eleição. Obviamente que vamos ter ministérios-tampão", disse.


Alguns nomes já estão praticamente definidos para deixar os Ministérios, entre eles João Roma, que vai deixar o Ministério da Cidadania para concorrer ao Governo da Bahia, Tarcísio Gomes de Freitas, que vai sair do Ministério da Infraestrutura para tentar a eleição ao governo de São Paulo.


O ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, aceitou o convite do PL gaúcho e deve se lançar a candidato a governador no Rio Grande do Sul. As ministras Damares Alves e Tereza Cristina podem deixar os ministérios da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, e da Agricultura, respectivamente, para concorrer ao Senado.


Fábio Faria (ministro das Comunicações) e Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) também devem deixar os Ministérios.

Anuncie Aqui 2.png