crossorigin="anonymous">
 
Anuncie Aqui 2.png
  • Info Serrinha

Conselho de Saúde da Bahia aciona Bolsonaro por desrespeitar obrigatoriedade do uso da máscara

Bolsonaro visitou Salvador na última quarta-feira, 16.


O Conselho Estadual de Saúde da Bahia (CES) entrou com uma ação na Procuradoria Geral da República (PGR) contra o presidente Jair Bolsonaro, que circulou sem máscaras durante sua visita na Bahia, o uso do equipamento de proteção é obrigatório em todo território estadual.


O CES explicou os motivos que levaram o órgão a entrar com representação contra Bolsonaro. "Bolsonaro não só afronta o ordenamento jurídico como também incentiva a desobediência da população. Em todo o histórico da Covid-19 no Brasil, o representante máximo da nação menosprezou a pandemia e segue reincidente em atos que contrariam as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS). É por entender que ninguém está livre do cumprimento de leis e regras sanitárias que o CES-BA prossegue com a ação".


O Conselho aproveitou para reforçar o pedido que as pessoas sigam utilizando máscaras. "O CES-BA repudia estes comportamentos e pede à população baiana que siga confiando nas máscaras como equipamento de proteção individual e coletiva contra a covid-19. Os cientistas têm alertado que é prematuro retirar as máscaras neste momento. Não há dúvidas de que estar de máscara é mais seguro do que ficar sem".



Anuncie Aqui 2.png