crossorigin="anonymous">
 
Anuncie Aqui 2.png
  • Info Serrinha

Embasa se torna alvo de críticas de vereadores na Câmara de Serrinha


Problemas no abastecimento de água em Serrinha e buracos no município foram apontados pelo vereadores.


Os constantes problemas de abastecimento de água em Serrinha foram citados por alguns vereadores na sessão da Câmara Municipal realizada na última quinta, que culparam a Embasa pelo problema que vem afetando centenas de pessoas, e provocando insatisfação em dezenas de regiões.


Em várias áreas do município a Embasa iniciou serviços de substituição da tubulação, o que vai ajudar a melhorar o abastecimento em diversas localidades, que deixarão de ter "rodízios" quinzenais e algumas vezes mensais.


Durante os discursos na sessão da Cãmara realizada na última quinta, 14, muitos vereadores criticaram o serviço prestado pela Embasa, o que, segundo alguns legisladores, vem sobrecarregando o município devido a grande quantidade de pedidos de abastecimento.


O vereador Rogério da Cerâmica (PSD) defendeu o secretário José Trabuco, que emitiu nota comentando sobre os problemas no abastecimento de água em Serrinha. "Recebi do secretário Trabuco falando a respeito dos problemas que estão ocorrendo no município em decorrência da seca, e ele está se debruçando para poder buscar algo que possa ajudar".


Para o vereador Ícaro Tolentino (MDB), com a grande demanda de pedidos, os quatro carros-pipas do município não conseguem atender toda população. "A gente enxerga a necessidade de ter mais carros-pipa em Serrinha. Quatro carros para quase 100 mil habitantes é pouco, e o secretário Trabuco está lutando para conseguir novos veículos e resolver esses problemas".


Já o vereador José Reis (MDB) condenou os serviços prestados pela Embasa, afirmando que ela não vem cumprindo o que havia prometido no início do ano. "A Embasa disse aqui, nessa Casa, no início do ano, que investiria R$ 6 milhões para resolver os problemas da água em nosso município, e quando acaba a água muitas pessoas recorrem ao município fazendo pedidos de carro-pipa, e ai sobrecarrega, mas responsabilizo a Embasa porque ela disse aqui que iria investir um valor e iria melhorar a distribuição de água aqui, mas de nada melhorou. Quem tem obrigação de atender ao público é a Embasa porque as pessoas pagam seus recibos e se não pagar a água é cortada".


Segundo o vereador Laedson Santiago (PL), é preciso que se apontem os culpados no problema do abastecimento de água. "Essa semana já recebi umas quinze solicitações de água, sabemos que a demanda é grande, e quem é responsável é a Embasa que não leva água até as pessoas. Nós não podemos sempre estar culpando o município porque ele está dando suporte a Embasa. Temos que responsabilizar quem realmente é culpado".


Outro vereador que criticou a Embasa foi Júnior Bigode (MDB), que citou a questão dos buracos na cidade gerados em decorrência de serviços realizados. "Tenho andado por muitas ruas de Serrinha, e muitas estão esburacadas, e muitos desses buracos são provocados pela Embasa. Se você perceber, andando pela cidade, há cidade está toda esburada e ficam aqueles paralelepípedos encostados lá. Eles fazem o serviço e não retornam lá para colocar. Além de prestar um mal serviço em relação à água, ainda deixam nossa cidade toda esburacada. Precisamos tomar medidas mais duras".


O Info Serrinha entrou em contato com a Embasa para saber um posicionamento da empresa, e obteve resposta que foi enviada por e-mail (confira aqui).


Anuncie Aqui 2.png