crossorigin="anonymous">
 
Anuncie Aqui 2.png
  • Info Serrinha

Empresa que administra BR´s 324 e 116 pode perder concessão

Falta no cumprimento das obrigações pode levar a uma intervenção Federal


Quem trafega pelas BR´S 324 e 116, nos trechos de concessão da Via Bahia, sabe das dificuldades na dirigibilidade por conta da condição das vias e também a sinalização precária. Diante de diversas irregularidades apontadas pela Agência Nacional de Transportes Terrestres, existe a possibilidade da empresa perder o direito de explorar essas importantes rodovias.


De acordo com o Ministério da Infraestrutura, a empresa não vem cumprindo suas obrigações contratuais, que contra-argumenta dizendo que não teve autorização para realizar reajustes.


Recentemente, a Via Bahia conseguiu impedir na Justiça uma redução nos valores dos pedágios, aumentando ainda mais a crise com o Governo Federal.


Em junho, o ministro Tarcísio Freitas, não descartou a possibilidade do Governo Federal assumir a concessão da rodovia temporariamente. "Estamos planejando uma intervenção na Via Bahia. Pode ser o primeiro caso de intervenção federal numa concessão. A gente deve assumir o controle da concessão e varrer do mapa aquela concessionária, porque é um deboche o que a Via Bahia faz com a população".


Segundo a ANTT, a Via Bahia, que detém a concessão de trechos das BR´s 324 e 116 desde 2009, possui praças de pedágios em Simões Filho e Amélia Rodrigues (BR-324), Santo Estevão, Milagres Manoel Vitorino, Poções e Verendina (BR-116).

Anuncie Aqui 2.png