crossorigin="anonymous">
 
Anuncie Aqui 2.png
  • Thiego Souza

Vereadora Edylene Ferreira celebra Emenda que incentiva candidaturas de mulheres e negros

A partir de 2022, votos recebidos por mulheres e negros terão peso dobrado na distribuição dos Fundos Partidários e Eleitorais.


Na última terça, 28, foi promulgada pelo Congresso Nacional a Emenda Constitucional 111/2021 que apresenta mudanças nas regras eleitorais a partir do pleito de 2022. Entre as novidades aparece o dispositivo do peso 2 para candidaturas de mulheres e negros.


Agora, com a Emenda Constitucional, os votos dados a mulheres e candidatos negros serão contatos em dobro na distribuição dos recursos do Fundo Partidário e do Fundo Especial de Financiamento de Campanha, conhecido como Fundo Eleitoral.


Em entrevista ao Info Serrinha, a vereadora de Serrinha e presidente da UVB Mulher Nacional, Edylene Ferreira, celebrou as mudanças e acredita que a Emenda irá fazer com que mais mulheres tenham interesse em participar da Política.


"Notícia maravilhosa. Isso levanta ainda mais a alto-estima das mulheres, tenho certeza que o Parlamento será florido ainda mais por mulheres, e para mim é motivo de muita honra. Gostei muito, e essa medida do peso 2 para mulheres e negros foi excelente".


A vereadora apresentou ainda os outros dois pontos que foram apresentados e promulgados. "A reforma política já foi promulgada, e ela passou a ter também outras duas coisas muito importantes: não vai voltar a ter coligação, vai se manter como foi na nossa eleição para vereador e as pessoas que querem sair do Partido terá a condição de sair sem problema".


A Emenda Constitucional passa a valer já nas eleições de 2022 e vale até o pleito eleitoral de 2030.

Anuncie Aqui 2.png